Primeiro desenho em libras no YouTube é criado por brasileiro

Animação “Min e as Mãozinhas” / Fotos: Divulgação

 

Eu achei um absurdo ter uma pessoa brasileira do meu lado e eu não ter ideia de como me comunicar. Vi que há um grande despreparo da maioria para falar com os surdos”, conta Paulo. A partir daí, o Diretor Paulo Henrique dos Santos, de 27 anos, teve a brilhante ideia de produzir uma série de animações, voltada para crianças surdas com idade entre três e seis anos, ensinando assim, a língua brasileira de sinais (Libras). Ao todo, a primeira temporada tem 13 episódios, mas apenas o primeiro está produzido. A iniciativa do diretor partiu depois de uma tentativa sem sucesso de se comunicar com uma jovem surda em uma festa, surgindo assim, o interesse de se fazer a animação.

Com esta iniciativa Paulo acabou se tornando referencia com a animação “Min e as Mãozinhas” no YouTube, sendo o primeiro totalmente em Libras no canal. “Foi uma surpresa ser o primeiro. Quando a gente começa a gente busca referências, mas como não tive decidi arriscar e esse retorno tem sido muito gratificante”, disse o diretor. Paulo que já trabalhou em animações como o “Sítio do Pica-Pau Amarelo” e a “Turma da Mônica”, busca uma arrecadação coletiva para dar sequencia a este novo projeto, voltado para as crianças. “A ideia do desenho é que os professores também possam usar em sala de aula. O projeto seja liberado da maneira mais democrática possível”, explica Paulo.

Primeiro capítulo:

O episódio de estreia conta a história de uma menina surda chamada Yasmin, conhecida como Min. Ela estava na casa da árvore quando um esquilo encontrou pegadas no chão e quis saber de quem eram. Eles vão até a floresta para descobrir quem deixou os sinais pelo caminho. Nesse passeio, encontram o elefante, o gato e o sapo. A todos, Min ensina cinco sinais em libra para que eles aprendam falar, por exemplo, “oi” e dizer o próprio nome.

Gostou Deste Artigo? Compartilhe!

Facebook 0
Google+ 0
Fechar Menu