Pitty lança em abril ‘Matriz’, álbum em que expressa ‘baianidade visceral’ pela língua do rock

Pitty / Foto: Divulgação

 

Em fevereiro de 2018, um ano e meio após ter dado à luz a primeira filha, Madalena, nascida em agosto de 2016, Pitty anunciou que começava a gestar o quinto álbum solo de estúdio. Na ocasião, a previsão era a de que o disco fosse gravado e lançado ao longo de 2018. Decorrido um ano desse anúncio inicial, a cantora e compositora baiana confirma a edição do álbum para abril de 2019 pela gravadora Deck. O álbum está pronto e se chama Matriz, mesmo nome da turnê iniciada em agosto e ainda em rotação pelas principais cidades do Brasil. O álbum Matriz foi gravado entre estúdios das cidades de Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Salvador (BA).

A escala na capital da Bahia está em sintonia com a intenção da artista de revisitar as origens. Atualmente com 41 anos, Pitty – cabe lembrar – nasceu e viveu em Salvador (BA), até os 23 anos. “Metaforizando, é como a história de uma blueswoman que sai da plantação de algodão, bota a viola no saco e vai tentar a vida na cidade grande. Produzido por Rafael Ramos, o álbum Matriz foi gravado com a participação do cantor, compositor e músico soteropolitano Lazzo Matumbi. Agora é só aguardar para conferir mais um grande sucesso de Pitty. Um luxo!

Gostou Deste Artigo? Compartilhe!

Facebook 0
Google+ 0
Fechar Menu