Especialista alerta sobre os perigos da exposição excessiva ao Sol no verão

Foto: Divulgação

 

Com a chegada do verão, estação onde as temperaturas batem todos os recordes, os cuidados com a pele devem ser redobrados. Segundo o Instituto Nacional do Câncer – INCA, a cada ano são registrados mais de 185 mil novos casos de câncer de pele no Brasil, e é responsável por 33% de todos os diagnósticos dessa doença no Brasil. O tipo mais comum, o câncer da pele não melanoma, tem letalidade baixa, porém seus números são muito altos. Mais raro e letal, o melanoma é o tipo mais agressivo e registra mais de 8 mil novos casos anualmente.

 A coordenadora do curso de Estética e Cosmética da Estácio, Clícia Cordeiro, ressalta que o ideal é que as pessoas evitem a exposição ao sol entre as 10 e as 16 horas e usar óculos escuros, chapéus, bonés, além do protetor solar. “O protetor solar é indispensável para qualquer tipo de pele. Ele deve ter FPS (Fator de Proteção Solar) de no mínimo 15 e ser reaplicado a cada duas horas ou após exercício, mergulho ou suor excessivo” e o FPS deve ser definido de acordo com a cor da pele. Quanto mais clara, maior deve ser o fator de proteção”, completa Clícia Cordeiro.

A especialista recomenda que o uso do protetor solar seja diário e diz que o produto é indispensável até mesmo em dias nublados. Para as mulheres, aconselha o uso de maquiagem com proteção solar. “Se a maquiagem não tem essa proteção, é necessário aplicar protetor antes de se maquiar”, alerta. Hoje, é raro encontrar quem não saiba que a exposição excessiva aos raios solares aumenta a incidência de câncer de pele, especialmente nas pessoas de pele muito clara. “Os danos causados pelo Sol na pele são cumulativos. Com o passar da idade, quanto mais frequente e duradoura for a exposição, maiores os riscos”, alerta Clícia.

Segundo a especialista a exposição excessiva ao Sol nunca é indicada, o ideal é evitar, mesmo utilizando protetor solar. “O recomendado é que após a exposição solar devamos usar hidratantes, óleos e derivados, porque hidrata e refresca ainda mais a pele, evitando assim que ela rapidamente descasque e claro, consumir muito líquido, principalmente água e sucos”, complementa Clícia.

Gostou Deste Artigo? Compartilhe!

Facebook 0
Google+ 0
Fechar Menu