As marcas de luxo celebraram as super modelos Amber Valletta, Carolyn Murphy entre outras

Eva Herzigova / Dolce & Gabbana / Fotos: Cortesia

 

Depois que a Versace trouxe as super modelos Cindy Crawford, Naomi Campbell, Claudia Schiffer e Helena Christensen de volta à passarela em seu desfile de Verão 2018, parece que a nostalgia desses tempose dessas mulheresbateu forte e agora voltaram com tudo em participações especiais.

Essas modelos, que eram conhecidas apenas pelo seus primeiros nomes, hoje têm entre 40 e 50 anos e continuam a seduzir e prender o olhar por onde pisam, seja em seus perfis nas redes sociais ou nas passarelas. Essa temporada marcou um retorno, de uma forma mais geral, de modelos que estouraram no fim dos anos 90 e meados de 2000.

Talvez a ausência de novas modelos com o potencial de se tornarem tão populares, reconhecidas e respeitadas por sua personalidade e capacidade de gerar desejo e vendas, seja a explicação para tamanha nostalgia das marcas. Ou mesmo um sinal de que a moda caiu na real e a diversidade de idades também precisa ser refletida nas passarelas. Mais jamais existirá um time de modelos tão profissionais e queridas quanto aos dos anos 90 e 2000. Um luxo!

Shalom Harlow fechando o desfile da Versace
Carla Bruni / Dolce & Gabbana
Karen Elson / Ferragamo
Stella Tennant / Ferragamo
Amber Valletta / Agnona
Natalia Vodianova / Burberry

Gostou Deste Artigo? Compartilhe!

Facebook 0
Google+ 0
Fechar Menu